MUIDO.COM.BR

Jornalismo com coragem e ousadia!
João teve presente e muito perto de tudo isso, ele foi escolhido para ser candidato e governador de uma organização criminosa”, disse o deputado. (Foto: Reprodução)
João teve presente e muito perto de tudo isso, ele foi escolhido para ser candidato e governador de uma organização criminosa”, disse o deputado. (Foto: Reprodução)

Durante entreviste ao programa Correio Debate da radio Correio FM, em João Pessoa, o Deputado Federal e pré-candidato ao Governo Estado da Paraíba Pedro Cunha Lima (PSDB), disse que o governador João Azevêdo (Cidadania) não tem integridade porque ele fez parte e se beneficiou da corrupção da Operação Calvário.

Para Pedro Cunha Lima, o governador João Azevêdo teve presente nas negociações de desvio de recursos da saúde pelos operadores da operação Calvário, é acusado de ter recebido mesada de R$120 mil e sentou na mesa para negociar propina. “João teve presente e muito perto de tudo isso, ele foi escolhido para ser candidato e governador de uma organização criminosa”, disse o deputado.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

MUIDO.COM.BR